O que fazer para ser salvo?

Seu coração está inquieto, parece que há um vazio em sua alma que não é preenchido por nada neste mundo? Sabemos qual é a saída e vamos te apresentar a solução.

Eles responderam: "Creia no Senhor Jesus, e serão salvos, você e os de sua casa" — Atos 16:31

Paulo e Silas haviam sido presos por anunciarem o evangelho de Cristo e, enquanto permaneciam no cárcere, louvavam a Deus com orações e cânticos. Milagrosamente um terremoto abala a prisão, quebra as correntes que seguravam aqueles homens e abre as portas.

Diante da possibilidade de ter que responder com a própria vida pela fuga dos presos, o carcereiro planeja então se lançar contra a própria espada.

Paulo e Silas interrompe aquele homem de cometer tamanha barbaridade. Comovido por toda a situação aquele soldado então pergunta para os discípulos: "Senhores, que devo fazer para ser salvo?" (Atos 16:30).

Paulo então responde "Creia no Senhor Jesus, e serão salvos, você e os de sua casa". Esta passagem nos apresenta os quatro passos que todo homem e mulher deve seguir para alcançar a salvação de sua alma.

Reconheça seu estado de pecado

O carcereiro reconheceu seu estado de pecado. O texto bíblico não nos revela se ele havia ouvido a pregação de Paulo e Silas nos dias anteriores. Entretanto, o coração daquele homem foi convencido de que ele se encontrava em rebelião contra o Criador.

Ao perguntar, "que devo fazer para ser salvo?", ele evidencia a compreensão de que tinha consciência de sua perdição.

Em sua carta dirigida à igreja em Roma, o Apóstolo Paulo declara que todos pecaram e, por isso, foram afastados de Deus (Romanos 3:23).

Todos estão naturalmente afastados de Deus, sem Jesus todos estão longe de tudo o que é bom. Eu e você, por causa de nossos pecados e transgressões, fomos separados de Deus. Já nascemos debaixo da maldição do pecado e condenados à separação eterna do Criador.

Reconhecer o estado de pecado é o primeiro passo para ser salvo. Jesus nos declara: "Eu não vim chamar justos, mas pecadores ao arrependimento" (Lucas 5:32).

Jesus não veio par chamar aqueles que acreditam ser autossuficientes, para os não reconhecem suas fraquezas e iniquidades. O interesse do Mestre é estender a mão para aqueles com coração quebrantado que reconhece os seus pecados.

Jamais alcançaremos o favor divino enquanto permanecermos em nosso orgulho acreditando que, pela força de nosso braço, podemos resolver o problema do pecado que há em nós.

O único que pode retirar o seu vício em drogas, que pode aliviar o desespero e o vazio de seu coração e dar sentido para a sua existência é Jesus Cristo. Reconheça e nomeie seus pecados, identifique as iniquidades de seu coração e apresente-as para o Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo.

Reconheça seu pecado e o entregue nas mãos de Jesus.

Arrependa-se de seus pecados

O reconhecimento dos pecados, ao contrário do que possa parecer, não é autocomiseração. Não estamos falando de autopiedade.

Ao reconhecer que somos pecadores não podemos, ao contrário do caminho natural, seguir em direção de uma postura vitimista. Não somos a vítima, mas o vilão da história.

Ao contrário, é reconhecer que somos os vilões. O reconhecimento de nossa natureza pecaminosa é o primeiro passo, mas não é o único.

Precisamos caminhar na direção do arrependimento. Eu devo reconhecer e me arrepender de todos os meus pecados.

O arrependimento é a chave para a salvação, é um milagre operado em nosso coração pelo Espírito Santo, é a transformação profunda, completa e irrestrita da vida que caminhava em trevas.

Arrependa-se de seus pecados e viva uma nova vida em Jesus Cristo.

Reconheça Jesus como o seu Senhor e Salvador

Crer em Jesus não é apenas reconhecer Seu poder para nos salvar de nossos pecados, mas também se submeter à soberania dEle.

Senhorio e salvação caminham lado a lado. Nenhum homem ou mulher será salvo por Cristo se, na mesma medida, não se submeter ao seu senhorio.

Ele é Salvador e Senhor, é Ele quem determina as regras, os princípios e os caminhos que seus filhos devem seguir. Não há salvação se não houver humilde obediência e não há obediência se não houver salvação.

A obediência é o elemento chave para a salvação, você não pode desejar estar eternamente com um Deus que não obedece.

Portanto, reconhecer o senhorio de Cristo é essencial para desfrutar dos benefícios de se relacionar com o Jesus que salva o perdido.

Reconheça o Senhor Jesus como seu Senhor e Salvador.

Confesse publicamente sua fé

"Naquela mesma hora da noite o carcereiro lavou as feridas deles; em seguida, ele e todos os seus foram batizados" — Atos 16:33

Ao ouvir a pregação do evangelho (Atos 16:32) o carcereiro não apenas reconhece seu estado, arrepende de seu pecado, submetendo-se à autoridade de Cristo, como também confessa publicamente sua fé ao passar pelo batismo.

O Apóstolo Paulo escreve que "com o coração se crê para justiça, e com a boca se confessa para salvação" (Romanos 10:10).

A profissão pública da fé em Cristo Jesus testifica a ação interna do Espírito Santo. É o sinal visível da obra invisível de Deus, é a exteriorização da ação milagrosa no coração do pecador.

Confesse sua fé em Jesus Cristo e seja batizado.


Estes são os quatro passos necessários para ser salvo: 1) reconhecer seu estado de pecado, 2) se arrepender de seus pecados, 3) reconhecer Jesus como Senhor e Salvador e 4) confessar publicamente.

Ore conosco

Deus, eu sei que tenho andado longe de ti, sei que me afastei da tua presença, mas eu te peço que me perdoe, limpe meus pecados, purifica meus pensamentos, meus caminhos e minhas ações, lava-me com o perdão purificador. Escreve o meu nome no livro da vida. Ajuda-me a te obedecer e te amar para que por meio de minha vida o teu nome seja glorificado. Oro, em nome de Jesus, amém.

Bem-vindo ao Projeto Euaggelion, somos uma iniciativa independente de proclamação das boas novas do evangelho de Jesus Cristo. Nosso site tem o propósito de ser sua fonte inspiradora para o anúncio do evangelho de Jesus Cristo. Explore nossa plataforma com conteúdos semanais, incluindo devocionais diários, artigos teológicos e estudos verso a verso das Sagradas Escrituras. Junte-se à uma comunidade comprometida com o crescimento espiritual e a disseminação da mensagem transformadora do Evangelho.